Hostel em Budapeste

Budapeste é uma cidade relativamente grande e é dividida em duas partes pelo Rio DanúbioBuda e Peste. Do lado leste do Rio está Peste que é onde estão concentrados os museus, galerias de arte, igrejas, lojas, shoppings modernos, além do Parlamento (tem post de como visitar ele aqui) e a Andrássy út, a avenida mais luxuosa da cidade que é considerada a Champs-Élysées da ciddade.

Sabendo disso eu optei por ficar do lado Peste, já que é ali que estão a maioria das atrações que eu queria ir. A localização, mesmo já sendo no lado Peste é muito importante levar em consideração. Budapeste é grande e a Hungria não é um país tão rico, o que acarreta alguns problemas de segurança normais de qualquer cidade assim.

O metrô na cidade é bom e é possível usá-lo pra ir para os principais lugares, portanto um dos fatores que influenciaram a escolha da minha hospedagem foi a proximidade com o metrô.

Hostel em Budapeste

Levando tudo isso em conta encontrei o Maverick City Lodge, um hostel que também é um hotel excelente, com 9/10 de nota no Booking muito organizado, limpo, moderno e que tinha tudo que eu precisava.

 

Fotos: Reprodução do Maverick City Lodge.
  • A localização é muito boa, em uma rua no centro da cidade a 750 metros de uma estação de metrô, com muito movimento, o que é importante.
  • Wi-fi gratuito; recepção 24 horas; elevador; boa cozinha compartilhada.
  • Os quartos são ótimos, com luz e tomadas individuais além de uma cortina em cada cama do quarto compartilhado, o que é essencial para ter mais privacidade.
  • Os banheiros são muito bons e limpos várias vezes ao dia.
  • A recepção é ótima e os funcionários muito solícitos.
  • O Maverick City Lodge oferece atividades para os hóspedes como cervejas gratuitas em determinado dia até uma determinada hora.
  • O café da manhã é o diferencial. Custa 5 euros e é nível de hotel 4 estrelas. Tem tudo, pães, panquecas, geleias, bolos, Nutella e é tudo muito bom. Vale a pena.
  • O único ponto ruim que eu achei foram os chuveiros. A vazão da água dura alguns segundos e depois tem que apertar novamente o botão para sair a água, o que pode gerar um desconforto.

 

Fotos: Reprodução do Maverick City Lodge.

Além do hostel com quartos compartilhados o Maverick City Lodge também é um hotel que é uma ótima opção e os quartos privativos são bem bonitos e tem todas as qualidades que citei.

As reservas com cancelamento gratuito podem ser feitas pelo Booking.

Leia também

Visitando o Parlamento Húngaro em Budapeste

Hostel em Copenhagen – Nyhavn

Hostel em Praga ao lado do Castelo

Hostel em Berlim bom e bem localizado

O melhor hostel da vida em Copenhagen

Hostel em Copenhagen – Nyhavn

Já fiz um post indicando o melhor hostel de Copenhagen e que, por sinal, é o melhor que já fiquei na vida, aqui no blog. A sua localização é incrível, o staff, a cozinha, os quartos, ele é todo prático, moderno e bonito de se ver. Tive duas estadias distintas em uma mesma viagem em Copenhagen. A primeira foi quando cheguei na Europa e a última foi quando estava indo embora e fiquei mais dois dias por lá para passear mais e pegar meu vôo de volta. Infelizmente não tinha mais vaga no Urban House para as minhas últimas diárias e tive que procurar no Booking um outro hostel. Encontrei o Bedwood Hostel e optei ficar por lá.

Hostel em Copenhagen – Nyhavn

 

Fotos: Reprodução do site oficial do Bedwood Hostel

Sua localização é no coração de Nyhavn, a região mais fofa da cidade – um canal com vários barcos, casinhas coloridas e restaurantes legais. O hostel tem uma decoração bem legal toda de madeira, porém bem moderna e atual. Os quartos compartilhados são muito bons, tem um locker grande que cabe a mala, tomada e abajur em cada cama, além de ter uma cortina em cada colchão que eu acho fundamental para a privacidade.

O canal e os prédios coloridos de Nyhavn.

O Bedwood Hostel oferece um café-da-manhã por 7 euros e a diária em alta-temporada é de 52 euros em um quarto compartilhado de 6 camas. Na minha opinião o Urban House ainda é muito melhor, mas caso não esteja disponível ou queira ficar em Nyhavn, recomendo o Bedwood sem dúvidas.

Interior do quarto compartilhado. Foto: Reprodução do site oficial do Bedwood Hostel.

Para fazer a reserva com cancelamento grátis e pagamento durante a estadia recomendo o Booking.

Leia também

Como ir do aeroporto de Copenhagen ao centro

O melhor hostel da vida em Copenhagen

Vídeo – 3 dias em Copenhagen

Christiania – tudo sobre a “cidade livre” em Copenhagen

Hostel em Praga ao lado do Castelo

Praga foi uma das melhores surpresas que tive no meu “mochilão” pela Europa. Não esperava tanto da cidade, mas fiquei encantada com tudo. Além de ser linda e fácil de locomover a cidade é muito barata. Desde a comida até hospedagem foi onde menos gastei durante todo o mês que viajei.

Fiquei em um hostel, mas hoje penso que poderia ter ficado em um hotel justamente por causa do preço, que seria bem em conta, além de ser melhor para descansar já que um mês inteiro dividindo quarto não é assim tão fácil. Apesar disso o hostel que fiquei foi bem legal e é uma boa recomendação para quem vai para a cidade.

A capital da República Tcheca é divida em distritos do 1 até o 22. O 1 é a área mais conhecida e turística, praticamente inteira tombada como Patrimônio Mundial e perto de todas as atrações, podendo fazer tudo a pé.

malá strana praga
Vista da rua Nerudova onde está o hostel no bairro Malá Strana em Praga.

Hostel em Praga ao lado do Castelo

O Arcapay Backpackers Hostel foi onde fiquei. Está em um edifício antigo (mas com elevador) e tem um terraço lindo, localizado em Malá Strana, um dos mais importantes bairros históricos da cidade e muito charmoso. Logo atrás do hostel está o Castelo de Praga, o ponto turístico mais famoso da cidade e a Charles Bridge está há menos de 1 km de distância.

O hostel fica em uma das áreas mais altas da cidade e por as ruas serem bem estreitas e históricas não se pode passar ônibus e nem tram (tipo um bondinho), sendo assim, a subida da rua do hostel que é bem íngreme tem que ser feita a pé ou de táxi, então é bom se programar caso este seja um empecilho. O ponto de tram mais perto fica a 500 metros.

33
Um dos quartos. Foto: Reprodução.

O Arpacay Backpackers Hostel é bem arrumadinho, limpo, os quartos são amplos, tem elevador, cozinha de uso comum e wifi grátis. Além de um café da manhã excelente por apenas 3 euros e uma vista incrível da cidade.

O centro histórico de Praga, onde estão os famosos “Relógio Astronômico” e a imponente “Igreja de Nossa Senhora antes de Týn” fica a 15 minutos a pé do hostel.

praça cidade velha praga
A Praça da Cidade Velha com a Igreja de Nossa Senhora de Týn ao fundo.

Para reservar com cancelamento gratuito pelo Booking o link é esse.

Leia também:

Trdelník, o famoso doce Tcheco em Praga

O melhor hostel da vida em Copenhagen

Hostel em Berlim bom e bem localizado

Comendo bem e barato em Praga

Albertina, o museu mais lindo do mundo em Viena

Hostel em Berlim bom e bem localizado

Berlim é uma cidade grande e como toda cidade grande tem um certo perigo. Pensando nisso pesquisei bem qual hostel que ficaria principalmente de acordo com a região. Com o número crescentes de imigrantes na cidade certas áreas vêm ficando cada vez mais perigosas. Além de uma boa localização queria também transporte público próximos, no mínimo uma linha de ônibus e uma de S-Bahn ou U-Bahn.

01
Recepção do The Cat’s Pajamas Hostel. Foto: Reprodução

Juntando tudo isso encontrei o hostel perfeito pra mim, o The Cat’s Pajamas Hostel. O hostel é excelente, tem nota 9/10 de quase 3.000 avaliações no Booking e está localizado no bairro Kreuzkölln, uma área bem cool e legal da cidade, com vários bares e lojas.

2971971
Quarto compartilhado. Foto: Reprodução

Na frente do The Cat’s Pajamas Hostel está a Praça Hermannplatz com uma estação de U-Bahn das linhas U7 e U8, lanchonetes como Mc Donald’s e Subway além de quatro pontos de ônibus na rua do hostel. O hostel é todo novo, com elevador, ótimas instalações e banheiros privativos nos quartos compartilhados. A cozinha e a recepção também são excelentes.

20 design-first-hostel-second-cats-pyjamas-berlin-01-1024x769

A diária do quarto compartilhado (misto, feminino ou masculino) custa €21. O link para reservas com cancelamento grátis é este.

Leia também

Anne Frank House – a melhor forma de visitar

Como ir do aeroporto de Copenhagen ao centro

Albertina, o museu mais lindo do mundo em Viena

Vídeo – 3 dias em Copenhagen

O melhor hostel da vida em Copenhagen

O melhor hostel da vida em Copenhagen

Copenhagen foi a primeira parada da minha viagem que durou um mês e se tornou uma das minhas cidades preferidas no mundo. É tudo tão lindo, tão civilizado, as pessoas são tão educadas e respeitosas que você se sente bem, é um lugar acolhedor, apesar de frio, as pessoas são quentes, mesmo sendo nórdicas.

Urban-House
Foto: Reprodução

Cheguei naquele inverno congelante do início de Fevereiro e tudo que eu queria, depois de dois dias de viagem, era tomar um banho e deitar numa cama aconchegante e quente. Fiquei pensando nisso, até que eu me lembrei que, pela primeira vez na vida, estava indo para um hostel dividir um quarto com pessoas que nunca havia visto na vida.

Já sabia como chegar no meu hostel – saí do aeroporto, peguei o trem e desci na Estação Central. De lá, andei 100 metros e já estava no Urban House Copenhagen, o melhor hostel de toda a minha vida viagem.

9423865_80_z
Foto: Reprodução

Fiz a reserva pelo Booking e a diária sem café da manhã custou 180 DKK, aproximadamente 26 euros. Após a confirmação da reserva eles enviaram um e-mail com todas as informações e por meio do site deles fiz o check in online e depois foi disponibilizado o número do quarto e a senha para entrar nele, não precisando de chave ou cartão magnético. Sendo assim foi só chegar lá é só entrar e já subir para o quarto. Fácil, simples e rápido!

Escolhi um quarto feminino para 8 pessoas com banheiro privativo no quarto, o que faz uma enorme diferença. Apesar de ser muita gente, o quarto e o banheiro estavam sempre limpos.

51567906
Foto: Reprodução

Os quartos possuem lockers individuais grandes (porém não coube a minha mala), sistema de calefação e roupas de camas limpas e novinhas. E o ponto alto: a localização. É excelente, melhor impossível! Ao lado da Estação Central que além dos trens possui vários restaurantes e fast food, perto de ponto de ônibus, supermercado, tudo!

O Urban House é todo novo e tem uma proposta muito legal, muito bem decorado e super cool. Optei por não comprar o café da manhã oferecido lá por achar o preço muito elevado, aproximadamente 10 euros, por isso fui ao supermercado e fiz compras para o café-da-manhã – saiu muito mais barato e a cozinha é ótima, não tive problema nenhum.

IMG_0483 IMG_0516

Fotos péssimas, mas que dão pra ter uma ideia de como é na vida real. 

Comecei com o pé direito, foi o primeiro e o melhor hostel da viagem. Recomendo muito e tenho certeza que é o melhor de Copenhagen, pois fiquei em um outro (vai ter post!) mais barato, mas também muito famoso nos últimos dias da viagem (1 mês depois) e não tinha comparação com o Urban House em todos os quesitos.

Para reservas:

Booking

Leia também

Anne Frank House – a melhor forma de visitar

Como ir do aeroporto de Copenhagen ao centro

Genebra – dicas, o que fazer e como ir

Vídeo – 3 dias em Copenhagen

Christiania – tudo sobre a “cidade livre” em Copenhagen

Hostel em Nova York

Ao começar a planejar a minha viagem para Nova York eu sabia que a parte mais complicada seria a hospedagem, já que os preços na cidade são extremamente elevados comparado as outras cidades dos Estados Unidos como Miami, Orlando e até Los Angeles. Como eu iria apenas com uma amiga que tem a minha idade e que nosso objetivo era usar o hotel/hostel apenas para dormir e ficar na rua o dia inteiro, optamos por uma opção mais barata e reservamos no Booking o hostel YMCA Harlem.

Harlem? Eu uma turista brasileira, mulher fiquei no Harlem? Sim! Muitas pessoas se espantaram com nossa opção principalmente por terem a ideia de que é um bairro super perigoso, mas lemos tanto a respeito, avaliações de outros hóspedes, no Google, Google maps, tudo, que fomos confiante e certas de que era uma boa escolha.

O Harlem para quem não sabe é um bairro em Manhattan conhecido por ser um grande centro cultural e comercial dos afro-americanos que antigamente era um bairro extremamente perigoso, mas hoje em dia não mais. Claro que como todos os outros lugares existem milhares de perigos, mas nada que não estamos acostumados. Só redobrar a atenção e ficar atento a qualquer coisa suspeita.

  11292022_10200852842800087_1238736167_n

Pontos positivos: 

  • Preço bom comparado a outras acomodações em Nova York.
  • Ao lado do metrô. Não precisa nem atravessar a rua para ter acesso a estação 135th Street onde passa a linha vermelha, números 2 e 3, ambas que  param nos principais pontos turísticos e na Times Square, que oferece todas as baldeações possíveis.
  • Segurança 24 horas.
  • Frigobar com um bom tamanho em todos os quartos.
  • Limpeza diária, troca de toalhas e roupas de cama.
  • Quartos de uma ou duas pessoas.
  • Banheiros compartilhados, porém são amplos, limpos várias vezes ao dia e estão reformados e modernos.
  • As chaves dos quartos são cartões magnéticos.
  • Ar condicionado e aquecedor em todos os quartos. O ar condicionado funcionou muito bem.
  • Wi-fi gratuito.
  • Supermercado, delicatessen, IHOP, Popeyes, Mc Donald’s, Starbucks e vários estabelecimentos na região.
  • Área comum para refeições com microondas, pia e mesa.
  • Piscina, academia e sauna disponíveis.

  

Captura de tela inteira 13072015 120619.bmp  Captura de tela inteira 13072015 120630.bmp  Captura de tela inteira 13072015 121248.bmp

Pontos negativos:

  • Não tem luxo. Os quartos são bem pequenos.
  • Existe um pequeno espaço entre a porta e o chão e encontramos durante toda a estadia três baratinhas passando por debaixo da porta. Nada demais, mas é claro que em um hotel luxuoso seria um enorme problema.

 

No geral tivemos uma boa experiência, acho que pelo preço que pagamos não encontraríamos absolutamente nada parecido numa cidade tão cara como Nova York e com o dólar tão alto. Recomendo o hostel para jovens e pessoas que só vão utilizar a acomodação para passar a noite, pois o luxo e o conforto são básicos.

O YMCA Harlem tem nota 7,2 de 10 no Booking e 4 de 5 estrelas no Google. Existem outras unidades YMCA em Nova York, YMCA West Side,  YMCA Vanderbilt, YMCA Flushing, YMCA North Brooklyn e YMCA Green Point.

YMCA Harlem: 180 W 135th Street New York, NY 10030

Leia também:

O melhor cookie de Nova York

Como ir de Nova York para Washington

Hostel em Nova York

Apart-hotel em Orlando

Onde ficar em Los Angeles